fbpx
newsletter-incode-pth

Requalificação Profissional: .SWitCH();

Portugal tem vindo a alojar, ano após ano, novas empresas a operar em áreas tecnológicas, muitas delas centradas no desenvolvimento de software. Portugal tem vindo a ser cada vez mais reconhecido pelo talento e competência dos seus profissionais e pela ética no trabalho. Tudo isto aliado ao facto de ser considerado um país com uma boa qualidade de vida, com um clima ameno e com uma excelente gastronomia. Este conjunto de fatores têm sido determinantes para que um leque cada vez mais alargado de empresas a operar no sector das Tecnologias de Informação (TI) instalem importantes centros de desenvolvimento de software no nosso país.

Simultaneamente, Portugal e a grande maioria dos países europeus continua a registar uma enorme falta de recursos humanos qualificados que permitam cobrir as necessidades de recrutamento dessas mesmas empresas tecnológicas. Esta tendência irá manter-se nos próximos anos, pelo que se torna obrigatório atuar nos dois lados do período formativo universitário: no pré-universitário (ensino básico e secundário), aumentando os níveis de conhecimento em computação e na ciência que a sustém; no pós-universitário, através de programas de requalificação.

A associação empresarial Porto Tech Hub nasce da iniciativa de três empresas tecnológicas de referência: a CRITICAL Software, a BLIP e a Farfetch. Desde que foi fundada, em 2015, a associação tem vindo a aumentar o número de associados, contando atualmente com 25 empresas, portuguesas e estrangeiras. Para além de possuírem importantes centros de desenvolvimento de software no Porto estas 25 empresas têm-se mantido focadas em potenciar o valor dos recursos humanos e em promover as condições únicas que a cidade do Porto reúne tendo em vista o desenvolvimento, a captação e a retenção de talento.

A associação Porto Tech Hub é promotora de vários eixos dinamizadores, entre os quais se inclui o programa de requalificação profissional SWitCH. Organizado em parceria com o Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP), o SWitCH é um programa de formação desenvolvido com dois objetivos: (1) requalificar licenciados com diversas formações de base, mas motivados e interessados em abraçar profissionalmente a área das Tecnologias da Informação, e (2) dar resposta à procura de recursos qualificados por parte das empresas associadas.

O SWitCH divide-se em duas partes: uma primeira parte letiva, com uma forte componente prática orientada ao desenvolvimento de projetos e à promoção do trabalho em equipa; uma segunda parte, que corresponde a um estágio remunerado numa das empresas associadas da Porto Tech Hub. No total, as duas partes totalizam 18 meses de formação, 9 meses de atividade letiva a que se seguem 9 meses de atividade profissional já em contexto empresarial.

O programa é aberto a todas as pessoas que pretendam, de facto, fazer uma mudança relativamente à sua área de formação inicial e tenham interesse em integrar a área das TI. Não há limite de idades nem nenhum tipo de restrição relativamente à formação universitária de base, como atrás se referiu. Apenas se procura garantir, através de um processo de seleção exigente e criterioso, que os candidatos possuem a motivação e as capacidades necessárias à realização plena dos objetivos a que se propuseram garantindo, desse modo, que as expectativas criadas por ambas as partes – candidatos e empresas – se fundam num único propósito: o de tornarem / manterem agentes ativos num mundo cada vez mais tecnológico e em que a maior parte das atividades do ser humano dependem e dependerão de produtos e projetos baseados em software.

31 January, 2020